Últimas notícias

Para homenagear Lula, Francis Hime reedita canção que fez com Chico Buarque

Compositor muda estrofe de “Meu Caro Amigo”, escrita em 1975 no contexto da ditadura militar: “a gente quer de volta o maior dos presidentes. A gente só quer Lula Livre”.

Por Crítica21
27/10/2019

A canção “Meu Caro Amigo”, de Chico Buarque e Francis Hime, foi composta em 1975 e lançada em disco no ano seguinte, com o objetivo de mandar notícias do Brasil ao diretor de teatro Augusto Boal – que estava exilado em Lisboa durante a ditadura militar.

Foto: Nana Moraes/divulgação Biscoito Fino
Passados 44 anos, a canção ganhou uma nova versão de Francis Hime para homenagear o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que completa 74 anos neste domingo (27) e está em prisão política desde 7 de abril de 2018.

O vídeo com a nova versão surgiu neste sábado (26) nas redes sociais e foi compartilhado por diversos perfis, entre os quais o da jornalista Hildegard Angel e do Instituto Lula.

Na gravação, o músico troca um trecho da canção para falar ao ex-presidente: “mas o que eu quero é lhe dizer que a gente está te esperando, pra que o Brasil volte de novo a ser feliz”. E prossegue: “A luta continua, a gente quer democracia. A gente quer de volta o maior dos presidentes. A gente quer só Lula Livre”.


Chico
Diversas cidades do Brasil e pelo menos dez países no mundo terão eventos em celebração ao aniversário de Lula neste domingo. Quem também parabenizou o ex-presidente foi o letrista da versão original de “Meu Caro Amigo”. Chico Buarque mandou um recado ao ex-presidente, ao lado de sua namorada, a jurista Carol Proner (confira aqui).

Nenhum comentário